pilatesball

 

A musculação, assim como o Pilates possui inúmeros benefícios para a saúde de quem pratica. Não basta ”puxar ferro” na academia e ter um corpo legal, desejado por muitos. Cada vez mais as pessoas enxergam que precisam antes de tudo, desenvolver mais força e resistência específica. O Pilates emprega como auxiliar da musculação e pode ser de grande valia, desde que seja bem aplicado.

O Pilates tem várias características, como a melhora da flexibilidade, da consciência corporal, da coordenação motora e do tônus muscular. Basicamente, quando o Pilates é integrado a um programa de musculação, ele passa a ter objetivos ainda mais específicos. Para que isso seja feito, seu treinador precisa avaliar seu caso, o que você precisa melhorar e em que parte de seu treino o Pilates será mais efetivo.

Pilates ajuda a melhorar na prática da musculação:

postura

 

 

1° Postura:
Muitas pessoas tem uma má postura que é resultado de falta de fortalecimento e de consciência corporal. Quando unimos o Pilates e a musculação, além de fortalecer todo o CORE, ainda temos uma melhora substancial da consciência corporal. Com isso, sua postura vai melhorar consideravelmente e você terá melhores resultados na musculação, pois os exercícios serão mais intensos e específicos.

 

 

 

flexibilidade

 

2° Melhora da flexibilidade:
Juntamente com o item anterior, o Pilates ajuda bastante neste quesito. A grande maioria das pessoas tem problemas de encurtamentos, que passam despercebidos no dia a dia, já que isso só é de fato sentido, quando somos submetidos a exercícios que exijam mais flexibilidade. O Pilates melhora muito a flexibilidade, principalmente de toda a cadeia posterior, que na grande maioria dos casos, é o principal ponto de encurtamento muscular das pessoas. Com isso, será possível realizar exercícios em maiores amplitudes e obter melhores resultados.

 

Pilates é muito bom como complemento de seu treino de musculação e possui inúmeros outros benefícios que te ajudarão a levar a vida de um jeito bem mais saudável e sutil.

O acompanhamento de um bom profissional é fundamental. Mais do que apenas intercalar as atividades, se faz necessário um bom estudo das cargas de treinamento, para que o Pilates não interfira negativamente em seu treino de musculação e para que ele tenha melhores efeitos. Por isso, um planejamento é fundamental.

Além disso, nem todas as pessoas tem a necessidade da prática de Pilates, para complementar a musculação. Mas na maioria dos casos, após uma boa avaliação, fica visível que o Pilates ajuda e muito, quando feito de acordo com este objetivo.

Bom treino, gente. :D

About The Author

Leave a Reply

Your email address will not be published.

Enviar